fbpx

Equipe de Campinas sobe ao pódio com 2º melhor tempo e muita criatividade em “corrida maluca” promovida pela RedBull

Aconteceu neste domingo, dia 14, na avenida da Consolação em São Paulo, a 6ª edição da corrida maluca “Red Bull Ladeira Abaixo”. A equipe campineira “A Imaginação voa” levou a segunda colocação dentre 500 projetos inscritos e 70 classificados para se apresentar em carrinhos sem motor criados pelos próprios membros das equipes.

  Os critérios de avaliação dos jurados eram criatividade, perfomance e velocidade, o que não faltou para a equipe de Campinas. O projeto foi uma homenagem a série de tirinhas publicadas em mais de 2 mil jornais do mundo inteiro Calvin e Haroldo, em que Calvin é um garoto de seis anos de idade cheio de personalidade, que tem como companheiro Haroldo, um tigre sábio e sarcástico, que para ele está tão vivo como um amigo verdadeiro, mas para os outros não é mais que um tigre de pelúcia. Na encenação criada pela equipe de Nicolly Gimenes, Alessandro Casella, Everton Francisco, Eduardo Lima e Lucas Gonzales, o personagem Calvin contou com uma máquina multiplicadora que transformou seu bichinho de pelúcia em três tigres reais, que tinham a função de empurrá-lo ladeira abaixo.

 A equipe alcançou a velocidade de 43km/h, percorreu o trajeto de ladeira com obstáculos e rampas em 36 segundos e levou notas “10” de toda equipe de jurados que contou com o ator Felipe Titto, o surfista Pedro Scooby, a skatista Yndiara Asp, o youtuber Léo Picon, a coreógrafa da Gaviões da Fiel, Aysla Martins e Gerson Campos, piloto e jornalista.

  “O desafio de criar um carrinho para descer a ladeira, dentro do limite de peso imposto pela competição, veloz e criativo, nos fez pensar e projetar um modelo com aerodinâmica simples mas bem acabado, com suspensão elaborada, rodas alinhadas e estrutura robusta para aguentar os trancos da corrida. Além disso, o contexto da história de Calvin e Haroldo que apresentamos fez com que nos diferenciássemos”, conta Casella.

Como premiação a equipe “A imaginação voa”, que se consagrou em segundo lugar, ganhou a oportunidade de assistir a corrida da F1 em Interlagos no box da Redbull Race.

 O primeiro lugar ficou para a equipe catarinense Papaterra e a medalha de bronze para os Titanatics, de Taboão da Serra.

Sem Comentários até o momento.

Deixe o seu comentário.