Prefeitura abre inscrições para 3a. turma do curso Educação para o Trabalho

 

Interessados devem procurar o HORTOFÁCIL, na Região Central, a partir de segunda-feira (18/03) para fazer inscrição

A Prefeitura de Hortolândia abrirá em breve a terceira turma do curso “Educação para o Trabalho”, do Programa Emprega Jovem, iniciativa da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social. A formação é voltada a jovens da cidade, entre 14 e 18 anos, de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade social. O objetivo é auxiliar este segmento a conquistar o primeiro emprego. As inscrições começam nesta segunda-feira (18/03) e vão até o dia 29 deste mês. Os interessados devem ir ao CQP I (Centro de Qualificação Profissional), localizado no HORTOFÁCIL, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 16h30, de segunda a sexta-feira.

As primeiras turmas, uma no HORTOFÁCIL e outra na paróquia São Guido Maria Conforti, foram abertas em novembro de 2018 e se encerram em maio deste ano.

Para a nova turma há 30 vagas disponíveis. A formação durará aproximadamente sete meses, com aulas de terça a sexta-feira. O objetivo do curso é preparar o jovem para ser inserido no mercado de trabalho. Para os aprendizes, a formação é gratuita, porém a Prefeitura investe R$ 57.000,000 na contratação do SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) para pagamento de professores e materiais didáticos.

A prioridade é atender jovens moradores de baixa renda ou em vulnerabilidade social (veja abaixo outros requisitos para inscrição). A divulgação dos inscritos selecionados será feita no Diário Oficial do Município.

“O objetivo da Prefeitura é oferecer oportunidades para que o jovem se prepare para disputar vagas de emprego geradas no município, em condição de igualdade com os de outras cidades”, esclarece o Diretor do Departamento de Geração de Renda e Economia Solidária, Gérson Ferreira.

Os requisitos para inscrição são:

  • Apresentar RG e CPF
  • Ter entre 14 e 18 anos
  • Estar cursando o 9º ano do Ensino Fundamental ou o Ensino Médio
  • Residir em Hortolândia e apresentar comprovante de residência
  • Ser de baixa renda ou estar em vulnerabilidade social
  • Poder estudar no período da manhã (das 8h30 às 12h)

Fonte: www2.hortolandia.sp.gov.br

Sem Comentários até o momento.

Deixe o seu comentário.