Mais três bairros ganharão coleta seletiva porta a porta nesta semana

Ação começa nesta quinta-feira (19/07); Jd. Rosolen e Jd. Santa Izabel terão coleta pela manhã e Jd. Sumarezinho, à tarde 

A partir desta quinta-feira (19/07), a Prefeitura de Hortolândia leva o projeto de coleta seletiva de materiais recicláveis, feita porta a porta, para mais três bairros: Jd. Rosolen e Jd. Santa Izabel, onde a equipe passará no período da manhã, e Jd. Sumarezinho, onde estará no turno da tarde. Eles integram a segunda etapa do projeto de expansão anunciado pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, na semana passada. Na primeira etapa, iniciada na última quarta-feira (11/07), três bairros já foram beneficiados: Jd. Novo Cambuí, Jd. das Figueiras e Jd. São Sebastião, onde a coleta é realizada às quartas-feiras, à tarde. Pela manhã, neste mesmo dia, ela acontece no Pq. Ortolândia e no Jd. Firenze, onde foi realizado o projeto-piloto de coleta domiciliar.

Ao todo 24 bairros de Hortolândia passarão a contar com coleta seletiva porta a porta, com a ampliação (veja lista abaixo). Isso significa que o número de famílias atendidas saltará de cerca de três mil para 20 mil e que aproximadamente 20% dos 114 bairros do município receberão o serviço.

A expectativa da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável é positiva, uma vez que os números relativos ao projeto-piloto mostram a crescente adesão da comunidade, no Jd. Firenze e no Pq. Ortolândia. Enquanto o boletim do dia 28/03, relativo à primeira semana, mostra que foram coletados 240 kg de resíduos, sendo 103 kg de rejeitos, o boletim mais recente, de 04/07, relativo à semana passada, registra coleta de 1.020 kg de materiais recicláveis, com somente 20 kg de rejeitos. “A qualidade dos resíduos coletados melhorou bastante, cerca de 30%, com apenas aproximadamente 2% de rejeitos. Isso mostra que a população está compreendendo, que adotou a ideia da coleta seletiva, criou-se o hábito na população destes bairros”, avalia a secretária-adjunta de Meio Ambiente, Eliane Nascimento.

Divulgação da coleta seletiva continua

Para preparar a comunidade para a expansão do serviço, a Prefeitura realiza ação de educação ambiental nos bairros que serão beneficiados pela ampliação. Até quinta-feira (19/07), ele acontece na área beneficiada pela segunda etapa de expansão. Entre 19 e 24 deste mês, as equipes estarão no Jd. Adelaide, Terras de Santo Antônio, Jd. Santa Esmeralda e Chácaras Assay.

O panfleto distribuído esclarece o que é a coleta seletiva e orienta sobre o que fazer para descartar corretamente os materiais recicláveis (veja abaixo). “Antes de colocar as embalagens para coleta seletiva, lave-as eliminando restos de produtos. Guarde o material reciclável em sua residência até o dia da Coleta Seletiva. Embrulhe os vidros quebrados e objetos pontiagudos para evitar acidentes com os catadores”, informa o documento. Na coleta seletiva, são recolhidos materiais metálicos, plásticos, vidros e papel/papelão.

Agenda Verde

A coleta seletiva integra o programa Agenda Verde – Mutirão de Limpeza e Zeladoria, criado pela Administração Municipal para envolver a população na tarefa de fazer o descarte correto de lixo e manter a cidade limpa. A ação promove palestras de conscientização ambiental e plantio de árvores. Além disso, recolheu desde sua implantação, em março do ano passado, a maio deste ano, aproximadamente 14 mil toneladas de entulho e resíduos inservíveis, descartados pelas ruas de Hortolândia.

A coleta seletiva acontece de dois modos: de maneira voluntária e feita porta a porta. Para a coleta seletiva voluntária a Prefeitura disponibiliza nos bairros dois tipos de equipamentos: os PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulhos e outros recicláveis) e os LEVs (Locais de Entrega Voluntária de Recicláveis). Existem ao todo 19 equipamentos já implantados, de modo permanente – sete PEVs e 12 LEVs.

“A importância da separação dos resíduos vai desde a geração de emprego e renda aos impactos ao meio ambiente, à economia aos cofres públicos, à limpeza da cidade e à qualidade de vida, considerando que o acúmulo de resíduos descartados de forma incorreta atrai insetos e consequentemente doenças”, avalia Eliane Nascimento.

Confira os novos bairros que receberão a coleta seletiva, porta a porta:

11/07, quarta-feira –  Jd. Novo Cambuí, Jd. das Figueiras e Jd. São Sebastião

19/07, quinta-feira –  Jd. Rosolen, Jd. Santa Izabel e Jd. Sumarezinho

24/07, terça-feira – Jd. Adelaide, Terras de Sto. Antonio, Sta. Esmeralda e Chácaras Assay

30/07, segunda-feira – Jd. N. Sra de Fátima, Jd. Ricardo, Jd. N. Sra de Lourdes, Chácaras Fazenda do Coelho, Jd. São Benedito, Jd. Viagem, Jd. Sto. Antônio, Jd. N. Sra. da Penha, Jd. Sta. Cândida

10/08, sexta-feira – Pq. Gabriel, Pq. São Miguel, Remanso Campineiro

Veja que material separar para a Prefeitura recolher:

Papel/papelão – jornais, revistas, cadernos, embalagens longa vida, caixas de papelão, cartazes, dentre outros.

Vidro – Garrafas, copos, vidros de conserva, potes e embalagens.

Plástico – Canos e tubos, baldes, garrafas plásticas (PET), sacolas plásticas, brinquedos, embalagens de produto de limpeza e de higiene pessoal.

Metal – Tampas de garrafas, latas de alumínio, panelas, talheres, materiais de ferro, alumínio, cobre e outros metais.

Via:  www2.hortolandia.sp.gov.br

Veja Também

Sem Comentários até o momento.

Deixe o seu comentário.